Apolo Beer Cafe e o Trio Quatro Cantos

Por Marias Bonitas

Dia 21 de janeiro será o grande dia do “Que Malte Pergunte… Tem Limão aí?”. O maior evento de cervejas artesanais cítricas que Recife já viu!

30 rótulos, 5 litros por pessoa, brincadeiras cervejeiras, uma galera massa e hambúrguer da Kwai.

Tá fazendo o que aí que não comprou o ingresso ainda? Clica aqui.

whatsapp-image-2016-12-07-at-16-17-12

Já falamos algumas vezes em harmonizações, aqui neste blog cervejeiro querido. ❤

E hoje, inspiradas pela nossa visita ao APOLO BEER CAFE durante a gravação do Podcast Cervejaterapia, e por essa pegada cítrica que a gente anda divulgando desde o mês passado para o Que Malte Pergunte… Tem Limão aí?, P-R-E-C-I-S-A-M-O-S compartilhar uma dica de harmonização que também estará presente no QMTP.

14516514_1150896438299306_7907464045681056309_n

Imagina um hambúrguer suíno (80g), com cubos de abacaxi, cream cheese e raspas de limão… 😉

Imaginou? Agora realize o Trio de Mini Burguers Quatro Cantos harmonizando com  a 4 All (American Wheat) da Patt Lou ou a Witbier da Debron e a da Ekäut, ou ainda com as várias cervejas caseiras que levam limão em sua preparação e que estarão presentes no QMTP.

111111
Foto: Divulgação Apolo Beer Cafe

Pedimos para o Raphael Vasconcelos, sommelier de cervejas e um dos sócios do Apolo Beer Cafe, descrever como seria essa harmonização:

O sabor ácido e adocicado do abacaxi vai aparecer bastante junto com os sabores da cerveja, contrastando com o salgado do queijo e do tempero do hambúrguer suíno. Vai ficar sensacional!. De fato o  Hambúrguer Quatro Cantos será um excelente acompanhamento para cervejas cítricas e as boas conversas do Apolo Beer Cafe”. – Raphael Vasconcelos

Não temos dúvidas, Rapha! 😉

apolo_logo-01

  • Endereço: R. do Apólo, 164 – Recife, PE, 50030-220
  • Telefone: (81) 3088-8091

Horário de funcionamento para excelentes conversas, ótimas comidas e cafés incríveis:

  • De segunda a quarta entre 12:00 e 20:00h
  • Quintas-feiras entre 12:00 e 22:00h
  • Sextas -feiras entre 12:00 e 00:00h
  • Sábados entre 18:00 e 00:00h

whatsapp-image-2016-12-16-at-12-52-25

LevTeck Tecnologia Viva

Por Gabi Ramos

Fazer cerveja não é apenas comprar insumos e repetir uma receita. É um técnica que envolve muito estudo e dedicação. Além de buscar informações sobre processo, você deve conhecer os insumos que está utilizando.

mbb-76

Já fizemos um post que falava um pouco sobre as leveduras, agora vamos te explicar toda tecnologia envolvida para que elas cheguem atÉ você da melhor forma, para isso, conversamos com A Drª. Gabriela Müller da levTeck!

gabriela-menor1. O que é a LevTeck ?

A Levteck Tecnologia Viva é uma empresa de biotecnologia que produz fermentos líquidos, kits para controle de qualidade microbiológica de cervejarias, realiza analises físico químicas e micribiológicas de cervejas. É uma empresa que tem a capacidade de fornecer todas as ferramentas de controle para aumentar a qualidade das cervejas produzidas e produz um dos insumos mais importantes para a fabricação de cervejas, que é a levedura.

logo_levteck_ok-01

A empresa foi criada em janeiro de 2016 devido a um espaço de mercado da grande demanda das empresas em realizar controle de qualidade, que é uma coisa que poucas pessoas se importavam até pouco atrás e hoje todos entendem essa necessidade, mas não existiam formas práticas e rápidas, como kits que pudessem auxiliar nesse controle, sem a necessidade de um grande investimento em laboratório. Sendo assim, as cervejarias não precisam investir grande valor em laboratório, e conseguir utilizar os kits fornecidos pela LevTeck.

2. O que é um banco de leveduras?

Um banco de leveduras, é uma coleção de leveduras. Quando se reúne diversas cepas que são isoladas de diversos locais, em determinados momentos, essas leveduras são armazenadas em freezers a uma temperatura de -80ºC ou em containers de nitrogênio, afim de que essas leveduras permaneçam com alta estabilidade genética e congeladas até seu uso. Esse congelamento é possível contanto que se use um crio protetor e fique numa temperatura de -40 a -80 ºC, sendo um armazenamento por tempo quase indefinido.

3. Qual a importância do controle microbiológico para a cervejaria?

Controle microbiológico na produção de cerveja é importante para:

  • ter o conhecimento de quais microorganismos estão presentes na etapa de produção;
  • saber se a limpeza estará sendo feita de forma adequada,
  • saber se se o reagente utilizado na sanitização é eficiente;
  • conhecer os pontos críticos e verificar se eles estão sendo limpos;
  • evitar que ocorra perda de produção ou modificação do produto durante o tempo de prateleira.

4. Quais as vantagens de utilizar levedura lÍquida?

Uma das vantagens da levedura líquida é que não precisa hidratar, é só homogeneizar e jogar no mosto. No caso do sachê para o cervejeiro caseiro, este já vem com 200 bilhões de células, o  que é suficiente para fazer 20 litros de uma cerveja com mais ou menos 1.054.

Além de não precisar hidratar, outra vantagem é o tempo do inicio de fermentação, que é mais rápido. A grande vantagem de utilizar LevTeck é que temos cepas selecionadas de bancos internacionais e algumas delas com características diferentes das comerciais. Por exemplo: a German Ale, não tem nenhuma semelhante das liofilizadas e a American Lager que fermenta de 14 a 18 ºC.

Escolhendo as leveduras líquidas, você tem mais opções e utiliza um produto nacional e fresco, garantindo que a levedura tenha menos de três meses de produção, além de ter um preço bastante competitivo

5. Quais tipos de leveduras A LEVTECK OFERECE?

Possuímos 8 tipos de leveduras:

  • American lager
  • German lager
  • American ale
  • English ale
  • German ale
  • Farmhouse Saison
  • Abbey 
  • E levedura para cerveja de trigo.

Escolhemos essas 8 cepas para abranger o maior numero de estilos possíveis.  Estão também no nosso portfólio os Lactobacillus buchneri,  Brettanomyces bruxellensis e lambicus.

unnamed

Você pode encontrar mais informações sobre a LevTeck no site e comprar os produtos através da loja virtual.

Quando utilizar as leveduras, não esquece de contar o resultado pra gente!

whatsapp-image-2016-12-16-at-12-52-25

Cervejas Cítricas no BeerDock

Por Gabi Ramos

Vem chegando o verão… 😎
Fala sério, tem algo que combine mais com o verão do que cerveja?

whatsapp-image-2017-01-04-at-12-18-43

E nesse verão, vocês já sabem: vai rolar o Que malte pergunte… Tem limão aí?,  que promete ser a festa mais linda do ano!

Pra vocês que, como nós, já estão ansiosos, fizemos uma lista de cervejas com caráter cítrico para ir entrando no clima da festa!
sem-titulo-2

Tupiniquim Weiss Maracujá 

Toda refrescância e leveza de uma verdadeira weiss, adicionada do caráter cítrico e tropical do maracujá.

Funk IPA

Uma session IPA para aqueles dias quentes. Com baixo teor alcoólico e um pancadão de aromas provenientes do lúpulo, que remetem a maracujá e melão.

Tupiniquim Frutas de Jardim Framboesa

Uma saison fermentada com Bretta e adição de polpa de fruta. Acidez e dulçor que se complementam trazendo uma experiência incrivelmente refrescante.

Walls Reticulata

Como toda witbier que se preze, apresenta corpo leve e boa carbonatação, com notas cítricas realçadas pela adição de laranja mexerica.

Beijos de corpo

Essa saison leva adição de frutas vermelhas, que garante uma aroma elegante e aumenta a drikability da cerveja.

Matsurika

É uma bohemian pilsener que tem adição de jasmin em sua receita. Toda leveza e refrescância do estilo adicionado de um toque delicado dessa flor.

Walls Session Citra

Como o nome já diz, uma session IPA feita com lúpulo citra. Intenso aroma e sabor de frutas amarelas como manga rosa e maracujá.

Caramba

Uma saison que leva em sua receita a carambola, como ingrediente local. Traz leve acidez típica do estilo, final seco e presença sutil e perceptível da fruta.

Michelada Bill

Uma sour ale que transita entre a witbier  e a gose, com alta drinkability. Adicionada de limão thaiti e sal do Himalaia, te entrega notas ácidas e refrescantes.

Deu vontade? Então passa lá no BeerDock e aproveita pra conhecer essa casa que é sucesso nacional! Eleito como uma das melhores cartas de cerveja do Brasil, a casa conta com mais de 200 rótulos e 15 torneiras de chopp, uma decoração linda e um cardápio com comidinhas maravilhosas.

boneco

Como chegar?
R. desembargador Luís Salazar, 98 – Madalena, Recife
Que horas chegar?
Segunda-feira   Fechado / Terça-feira  17:00 às 00:00/ Quarta-feira  17:00 às 00:00/ Quinta-feira  17:00 às 00:00/ Sexta-feira  17:00 às 01:00 / Sábado  12:00 às 01:00/   Domingo   12:00 às 19:00

whatsapp-image-2016-12-16-at-12-52-25

Harmonização: congelados e cerveja

Por Gabriela Ramos

Olá cervejeiros(as)!

Vocês conhecem o Marc et Louis? É o empório mais charmoso da Zona Sul de Recife. Situado na Rua Capitão Zuzinha, 136 no bairro de Boa Viagem, possui uma incrível diversidade de rótulos de vinhos e cervejas, além de destilados e especiarias para acompanhar suas refeições. Parece ótimo? Então você precisa conhecer a linha de congelados (e resfriados) que contempla pizzas, paellas, massas, molhos, carpaccio… Tudo para você levar pra casa, esquentar e ser feliz!

Para o final de ano, eles elaboraram um menu especial, e a gente pensou em completar sua ceia com umas cervejas bacanas (que você encontra lá mesmo!)

Entradas

BRUSCHETTAS

Foto: Marc et Louis
Foto: Marc et Louis

Bruschettas são entradinhas compostas por fatias de pão, queijo e tomate, portanto você optar por uma cerveja mais maltada, onde haja o equilíbrio entre as notas de pão e o torrado do malte, ou uma cerveja de trigo, onde as notas maltadas aparecem e seu dulçor corta a acidez dos tomates.

Sugestão: Hocus Pocus Hush (Amber Ale), Saint bier weiss

CARPACCIO

12976977_1132524853438351_4431787716689462926_o
Foto: Marc et Louis

O carpaccio é um prato simples e incrivelmente delicioso. Quando acompanhado de molho de mostarda, você pode harmonizá-lo com uma cerveja do estilo saison, que apresenta complexidade, refrescância e toques de especiaria que harmonizam bem com a acidez do molho. Outra opção é uma American Pale Ale, que apresenta dulçor residual do malte para equilibrar com as notas adocicadas da carne e toques herbais do lúpulo que se misturam as notas picantes da mostarda.

Sugestão:Diadorim Saison, Júpiter APA

Pratos Principais

GRATINADO DE BACALHAU

Foto: Marc et Louis
Foto: Marc et Louis

Um gratinado de bacalhau é um prato leve, composto por batatas, bacalhau e queijo, onde o peixe é o destaque. Para pratos leves, a dica é a de sempre, cervejas leves! Pensamos que você pode gostar de uma cerveja de trigo, principalmente se estiver iniciando no mundo das cervejas diferentonas. Se quiser algo diferente, mas nem tanto, pega uma red lager. Essa cerveja tem a leveza das lagers e uma presença mais marcante do malte, que dá uma cor linda e aromas e sabores caramelizados para equilibrarem com o crocante do queijo.

Sugestão: Ratsherrn Rotbier (Red Lager), Hohenthanner Hefe-weiss

LOMBO DE PORCO AGRIDOCE

Foto: Marc et Louis
Foto: Marc et Louis

Carne de porco tem características próprias e bem marcantes, para acompanhá-la, um molho agridoce pode ser uma boa pedida. Esse molho é o diferencial do prato, é nele que estamos focando ao pensar nas sugestões de harmonização. Se você gosta de acidez, pode realçar essa característica do prato com uma Branca de Brett (Cervejaria Dogma), que apresenta acidez acentuada e notas marcantes da Brettanomyces, que vão muito bem com a carne de porco. Outra opção para harmonizar com o adocicado do molho, seria uma Brown Ale, onde o destaque é o malte e suas notas caramelizadas.

Sugestão- Branca de brett (sour ale), Roleta russa Brown Ale

FILÉ AO MOLHO VINHO

Foto: Marc et Louis
Foto: Marc et Louis

Para harmonizar com vinho, pensamos numa cerveja que tenha tanta potência quanto essa bebida. Escolhemos baseadas no teor alcoólico, uma cerveja que equilibra acidez, e tem corpo aveludado, casando bem com a textura do filé. Assim teremos as notas torradas do filé selado, casando com a torra dos grãos de cerveja, ou o molho de vinho harmonizando com as notas de frutas passas e torra da quadruppel.

Segustão- Cat in the box (RIS), Barista (Quadruppel)

whatsapp-image-2016-12-16-at-12-52-25

 

Que malte pergunte, você sabe deixar a sua cerveja cítrica?

Por Marias Bonitas

Olá cervejeiros(as) caseiros(as)!

Como vocês já devem saber, o “Que malte te pergunte, tem limão aí?” contará com cervejas cítricas, enviadas pelas cervejarias e cervejeiros caseiros de Pernambuco e convidados. Então para te dar uma ajudinha na confecção da receita passamos na Villa do Malte , levantamos a lista de lúpulos cítricos de lá e preparamos um verdadeiro guia para cervejas cítricas. Confere aí!
hop

Citra

Quer acertar no aroma cítrico? Use o Citra! O nome já diz tudo e além de extremamente cítrico ele confere aroma frutado que remete a: grapefruit, lima, melão, lichia, physalis, manga. Essa linhagem de lúpulo americano é proveniente do cruzamento de diversos outros lúpulos como Hallertau Mittelfreuh, U.S, Tettnanger, E.K, Goldings.
Substitutos: Amarillo, Galaxy
Cervejas que usam este lúpulo: Route 66 da Cervejaria Estrada (PE),  Capunga Cumade Florzinha (PE), Session Citra (Wäls)

grapefruit untitled beneficios-do-melao8-beneficios-da-lichia-para-a-saude-1physalis-import-export  manga-500x424

Amarillo

O Amarillo é o lúpulo de aroma queridinho dos cervejeiros. O seu aroma floral e cítrico (lembrando maracujá e laranja) é encantador. Apesar de ser relativamente novo no mercado, tem se tornado difícil de encontrá-lo, devido a problemas nas últimas safras. Às vezes é descrito como “super-cascade”.
Substitutos: Ahtanum, Centennial, Cascade
Cervejas que usam este lúpulo: 4All American Wheat da Cervejaria Patt Lou (PE), Way American Pale Ale Single Hop Amarillo

fruta10laranja-300x266

Sorachi Ace

A combinação entre Saaz e Brewr’s Gold não poderia ser mais feliz. Cultivado em quantidades limitadas nos EUA, o Sorachi foi desenvolvido pela japonesa Saporo em 1970 e disponibilizado para produção e comercialização nos USA em 2006. Com seu  traço agradável e refrescante de limão (com notas de chá e sementes de coentro) pode ser uma excelente escolha para saisons, IPAs e cervejas de trigo, seja para amargor (alto teor de alfa-ácidos) e aroma (ato teor de óleos aromáticos).
Substitutos: Não encontrado
Cervejas que usam este lúpulo: Perro Libre Sorachi Berliner Weisse, Brooklyn Sorachi Ace

limaounnamed

Equinox

O equinox é novo no mercado e é o lúpulo de aromas cítricos e herbais que lembram limão, lima, mamão papaia, maçã e pimenta verde. Graças a sua capacidade aromática é uma boa escolha para dry hoppings.
Substitutos: Não encontrado
Cervejas que usam este lúpulo: Dogma Equinox Lover

limaountitledmamao-madurodownloadpimenta-serrano-1344872175254_956x500

TNT

Consegue imaginar um lúpulo alemão tão cítrico? Pois é, o TNT  tem sido usado para substituir o Nelson Sauvin no mercado. Este lúpulo confere aromas de maracujá, uvas e frutas doces. Pode ser usado para aroma ou para amargor. Uma ótima escolha para IPA’s, Pale Ales e Sessions cítricas em geral.
Substitutos: Nelson Sauvin (mas por experiência própria, ele deixa um aroma leve de mamão que pode ser bem desagradável dependendo do gosto do cervejeiro).

fruta10mamao-madurocomo-emagrecer-comendo-uvas-verdes

Pekko

O americano Pekko tem seu nome originado do Deus dos campos e das safras. Apresenta características claras de notas florais, cítrico e mentoladas que lembram melão, abacaxi, pêra, pepino, hortelã, ervas e toque de limão. Maravilhoso não é?
Substitutos: Não encontrado
Cervejas que usam este lúpulo: Stone Old Guardian 2016 – Pekko Dry-Hopped

beneficios-do-melaoabacaximuda_de_pera_d_agua_ou_europeia_1m_enxertada_676_1_20160122173052hortellimao

 Chinook

O Chinook é moderadamente cítrico (grapefruit), de amargor forte e se usado no fim da fervura confere aroma herbal e resinoso (pinho picante), porém, às vezes, pode agregar um aroma de fumaça. oO’.
Substitutos: Columbus, Galena, Nugget e Brewers Gold
Cervejas que usam este lúpulo: Dama Bier Session Lager, IPA Puta Que Pariu (Cervejaria Aqueles Caras).

grapefruit

Mosaic

Mosaic é uma variedade de lúpulo aromático originado através do cruzamento do Simcoe  com o Nugget. Lançado em 2012, o mosaic oferece uma combinação única e complexa de traços de frutas tropicais, floral e terrosa.
Substitutos: Não encontrado
Cervejas que usam este lúpulo:Dogma Mosaic Lover Imperial IPA, Founders Mosaic Promise IPA.

slide-frutas

Cascade

Cruzamento de um casamento perfeito entre entre o Fuggles e o lúpulo Russo Serebrianker, o cascade é bem famosinho pelas suas características aromáticas cítricas, florais, de especiarias, picante e grapefruit. Bastante indicado para dry-hoppings, é tão versátil que pode ser utilizado em cervejas de simples a complexas.
Substitutos: Ahtanum, Centennial, Amarillo.
Cervejas que usam este lúpulo: Ekäut American Pale Ale (PE), Maracatu IPA da Cervejaria Patt Lou (PE), Leffe Royale Cascade IPA

grapefruitlimaountitled

 Columbus

O Columbus é bastante usado para aumentar consideravelmente o amargor. Porém, devido ao seu perfil aromático é um excelente candidato para experiências de “single-hopped” em Pale Ales e IPA’s. Apresenta um excelente perfil aromático e notas terrosas, picantes e citricas são notadas.
Substitutos: CTZ, Chinook, Galena e Nugget.

limaolaranja-300x266unnamed

Todos estes lúpulos vocês encontram na Villa do Malte, assim como uma variedade de maltes, leveduras e equipamentos cervejeiros. A galera lá é altamente capacitada para te ajudar a dar aqueles ajustes na receita. Ah, e se você for fazer cerveja pro nosso evento, ganha 5% de desconto nos insumos lá!

Villa do Malte
R. Profª. Ângela Pinto, 59 – Parnamirim, Recife – PE.
Próximo ao Shopping Parnamirim.
whatsapp-image-2016-12-16-at-12-52-25

 

 

 

 

 

#Publipost

Que malte pergunte… que evento é esse?

Por Marias Bonitas

Olá cervejeiras(os)!
Estamos extremamente felizes em anunciar o nosso primeiro grande evento!

Senhoras e senhores!

Gostaríamos de anunciar o QUE MALTE PERGUNTE… o evento fixo da Confraria Feminina de Cervejas Maria Bonita Beer.

whatsapp-image-2016-12-07-at-16-17-12O “Que malte pergunte…” (QMTP) nasceu da vontade das confreiras da Maria Bonita Beer em estimular os(as) produtores(as) de cerveja artesanal da região, a saírem da zona de conforto e se desafiarem a criar cervejas baseadas em temáticas específicas.

Para isso, planejamos fazer do QMTP um evento que varia a temática em suas edições!

Na edição “tem limão aí?” a proposta é trazer o público para um ambiente ao ar livre, aproveitando os dias ensolarados de verão e apresentar variados estilos de cerveja com caráter cítrico e refrescante para harmonizar com essa estação do ano.

De acordo com o DATAFOLHA, 9 entre 10 PESSOAS que bebem cerveja cítrica pela primeira vez, perguntam: “tem limão aí?”. Ou não! rs.

Para que a experiência seja completa, haverá uma batalha de DJ’s e brincadeiras cervejeiras.

O nosso objetivo é:

  • fomentar a cultura cervejeira no estado de Pernambuco valorizando os produtores;
  • estimular a troca de conhecimento entre os(as) cervejeiros(as) caseiros(as) em um momento de confraternização;
  • apresentar para a comunidade, as microcervejarias e os micronegócios locais relacionados a cerveja.

Ao longo dos 36 dias que faltam para o nosso evento acontecer, vocês receberão mais detalhes do  Que malte pergunte… tem limão aí? em nossas redes sociais e aqui no blog. A dica é seguir a gente em tudo que é canto.

Facebook: /mariabonitabeer
Instagram: @mariabonitabeer

Ingressos à venda pelo link: https://www.eventick.com.br/que-malte-pergunte-tem-limao-a

Já temos presença confirmada de cervejas cítricas de cervejeiros(as), do Rio Grande do Norte, da Bahia e da Paraíba, e de algumas cervejarias  e cervejeiros(as) caseiros de Pernambuco.

Interessado em apoiar nosso evento?

Envie um email para mariabonitabeer@gmail.com até o dia 19 de dezembro, te enviaremos um projeto super simpático para você saber como nos apoiar. Será um prazer ter a sua marca em nosso evento! 😉

Beijos cítricos e lupulados!

Retrospectiva 2016

Por Marias Bonitas

Olá Cervejeiras(os)!

Esse ano foi bem intenso para a Confraria! Apesar de 2016 estar sendo um ano complicado para o nosso país em vários aspectos, nós compartilhamos momentos  maravilhosos na companhia de pessoas incríveis e superamos as nossas expectativa em várias ocasiões.

Agradecemos a todas as cervejarias, lojas, empórios, bares e restaurantes que nos apoiam em nossas ações e que levantam as nossas bandeiras junto com a gente, seja lá onde for.

————-RETROSPECTIVA——————

Deixamos de ser duas, para sermos quatro e em seguida sete. Mas a verdade é que atualmente somos mais de 30 (alow BeerX) o/.

sem-titulo14517531_1651612828463567_8468165939703230957_n

Vimos o nascimento das cervejarias pernambucanas: Ekaut, Estrada, Duvália, Pernambucana, Babylon e da nossa querida Patt Lou que nos abraçou tantas vezes em nossos projetos malucos e cheios de significados. ❤

Fomos convidadas e marcamos presença em vários eventos:

Momento Jabá
Para mais convites maravilhosos como estes: mariabonitabeer@gmail.com

Criamos a nossa marca que representa toda a identidade do nosso grupo. Mulheres fortes, desbravadoras e que com muita responsabilidade fomentam a cultura da cerveja na nossa região.

12768376_1568693106755540_1164913222122989670_o

Organizamos uma brassagem coletiva no dia internacional da mulher pela Pink Boots Society, que nada mais é do que a MAIOR BRASSAGEM COLETIVA DO MUNDO, organizada e executada apenas por mulheres com a finalidade de financiar bolsas de estudos para mulheres que ganham a vida em negócios cervejeiros se capacitarem e se empoderarem.

12799442_1571279449830239_5794482652937764345_n

12795341_1570567726568078_8398409448256394040_n

Fomos cúmplices da criação do movimento ELA (Empoderar, Libertar e Agir) em um coletivo nacional que além de denunciar ações machistas no meio cervejeiro, enaltece o trabalho da mulher cervejeira e visa alimentar a discussão sobre o assunto através da informação.

dsc_0156

dsc_0218

Algumas de nós nos tornamos Sommelières pela Academia Babante com certificação pela Doemens Akademie…

sem-titulo

E para fechar o ano, em nossa primeira participação em um concurso de cervejas artesanais, ganhamos o primeiro lugar na categoria English Brown Ale com a nossa La Belle D’Jour na maior festa da ACERVA-PE e na presença do John Palmer. UAU!

concurso hoptoberfest

Mas temos muuuuita energia ainda! Esse mês já brassamos 3 cervejas e antes de acabar o ano, ainda faremos mais…

 

Mas… para que tanta brassagem?

Bom, ainda não podemos dar Spolier no momento! Então aguardem os próximos posts!

Beijos lupulados!

 

NOVEMBRO AZUL – SE CUIDE!

Por Marias Bonitas ❤

A campanha do Novembro Azul está em vigor e nós da Confraria Maria Bonita apoiamos muito esta causa. Afinal, cervejeiro de respeito se cuida! ;D

VENÇA O PRECONCEITO! PREVINA-SE!

novembro_azul

O câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens no Brasil. Fica atrás apenas de um dos tipos de câncer de pele. Para 2016, o Inca (Instituto Nacional de Câncer) estimou que seriam diagnosticados 61 mil novos casos. O mês de novembro é conhecido como o de conscientização sobre a doença, por isso é chamado de Novembro Azul.

O fato do câncer de próstata ser o mais comum já deveria preocupar qualquer homem, mas o problema é que o exame para detectar a doença esbarra no preconceito. Ainda assim, a resistência tem diminuído.

No Recife tem vários postos de saúde com o atendimento voltado com prioridade aos homens. Procure um distrito sanitário mais próximo de sua casa.
Acesse o site da Prefeitura do Recife e informe-se sobre os distritos sanitários mais próximos da sua casa. 😉

http://www2.recife.pe.gov.br/noticias/01/11/2016/pcr-convoca-homens-para-participar-do-novembro-azul

Beijos lupulados e muita saúde!!!

Stout Day – 03 Nov

❤ Por Marias Bonitas!

Olá cervejeiras(os)!

Hoje é um dia bem especial pra o universo cervejeiro, hoje é dia de falar, estudar e bebemorar a Stout!!! 😀

Senta que lá vem a história da Stout

“A Stout é um estilo derivado das Porters, ambas de origem irlandesa. As Porters eram muito comuns nas cidades costeiras, com portos. Os “porters” eram os carregadores dos portos. Eles precisavam de cervejas fortes, pesadas, pra poder aguentar a lida. Aí foi criado o estilo Porter. A Stout é filha da Porter, derivada dela. Como muitos dos trabalhadores não gostavam de cervejas adocicadas (característica das Porters, que tem aquele toque de chocolate, às vezes até de avelã) eles buscaram um aroma de café, usando um malte bastante torrado para que a cerveja ficasse menos doce. Assim que surgiu a Stout”. (Leopoldo Bitencourt).

vamos estudar…

Se você fizer uma busca no BJCP 2015, encontrará pelo menos 8 estilos de stout. São elas:

  • 15B. Irish Stout
  • 15C. Irish Extra Stout
  • 16A. Sweet Stout
  • 16B. Oatmeal Stout
  • 16C. Tropical Stout
  • 16D. Foreign Extra Stout
  • 20B. American Stout
  • 20C. Imperial Stout

Mas hoje vamos falar do estilo Irish Stout. Este estilo, de fato, divide a maioria dos cervejeiros que nós já conversamos, em: AMO ou ODEIO!

A Irish Stout tem como representante mais famosa, negra e opaca Guinness (1759), que é uma cerveja tipicamente irlandesa que ainda hoje é produzida com os mesmos insumos: água da cidade de Dublin, malte irlandês, lúpulo e levedura.

O estilo tem como características principais ser de coloração preta com um sabor tostado pronunciado, muitas vezes semelhantes aos de café, pode ter notas secundárias de chocolate escuro, cacau e/ou cereal torrado. Quase nenhum ésteres e aroma de lúpulo (porém são aceitos aromas pouco terrosos ou florais).

Ao contrário das versões em garrafa, as versões em barril/lata geralmente são bastante cremosas devido ao nitrogênio.

Existem diferenças regionais na Irlanda:

  • Stout de Dublin: usa cevada torrada, são mais amargas e são mais secas.
  • Stout de Cork: é mais doce, menos amarga, e tem sabores de chocolate e de maltes especiais, são talvez as mais próximas do estilo histórico de stout de Londres, por ter uma composição com moagem variada, mas que não é dominada por cevada tostada.

A Guinness é feita utilizando cevada tostada, flocos de cevada e malte Pale. Mas, de acordo com o BJCP (2015), caso você queira reproduzir o estilo, você pode fazer uso do malte chocolate e outros maltes escuros e especiais.  mas é importante saber que “seja qual for a combinação de maltes ou grãos utilizados, o produto resultante deve ser preto”.

dicas da gabi ramos, nossa sommeliÈrE:

Para não passar esse dia “em branco” (desculpem o trocadilho rs), seguem algumas sugestões para o dia de hoje:

  • Mark the shadow – Estilo: oatmeal stout –  Cervejaria: Bastards
  • Pérola negra – Estilo: RIS – Cervejaria: Bastards
  • Saint Bier stout – Estilo: Stout – Cervejaria: Saint Bier
  • Cat in the box – Estilo: RIS –  Cervejaria: Urbana
  • Stout mel de engenho – Estilo: Stout – Cervejaria Duvália

 Então vai lá buscar a tua melhor Stout e comemora este dia! \o/

Beijos lupulados! 😉

Fontes: 

La Belle D’Jour e Hoptoberfest 2016 da ACERVA- PE

❤ Por Marias Bonitas

Olá cervejeiras(os)! Tudo bem com vocês?

Aqui estamos nós mais uma vez para apresentar a nossa La Belle D’Jour versão 2 para a festa da Hoptoberfest da ACERVA PE. A primeira vez que fizemos, foi no ano passado para o mesmo evento.

logo_la_belle_jour

A La Belle D’Jour, esse ano, estará concorrendo no concurso de cervejas artesanais da ACERVA-PE e será julgada por ninguém mais, ninguém menos que John Palmer, do Podcast Brew Strong e autor do livro How to Brew. :O

A La Belle D’Jour é uma english brown ale, elaborada e produzida pelas confreiras da Maria Bonita Beer.

Confere aí o dia da produção:

E o resultado é essa belezura aqui:

14691456_1661355047489345_8688660385483869886_o

Quer experimentar ela conosco? Ainda dá tempo. Ela estará sendo disponibilizada na HOPTOBERFEST 2016 da ACERVA-PE em post mix de 20 litros! ^^

O primeiro lote já acabou mais ainda tem ingresso! Confere aí!

  • Lote 2 – Sócio das Acervas (qualquer acerva do Brasil)
    R$95,00 – Disponível até 29/10
  • Lote 2 – Não sócio
    R$135,00 – Disponível até 29/10

E como quem bebe não dirige, tem opção de translado para o local do evento:

  • Ônibus – Boa Viagem
    R$17,00 – Disponível até 29/10
  • Ônibus – Derby
    R$17,00 – Disponível até 29/10

Corre e se inscreve clicando no banner abaixo:

hoptober_eventick-crop_1435x532_00-resize_1440x532

Beijos lupulados!